Por um instante, perdi o jeito

Por um instante, pensei que não estava mais pensando, já que nunca mais escrevi aqui.

Hoje entrei no WordPress pra ver um outro blog, que criei e ainda não alimentei, e percebi que pensei foi até demais. Oito posts sem conclusão. Pois é. Ando pensando muito, muito, muito. Mas tudo truncado demais. Tudo extenso demais. Tudo desorganizado demais. Tudo igual demais.

E tudo argumentado demais.

Não sei se perdi o jeito de concluir o raciocínio ou se os raciocínios não querem mais ser concluídos. Só sei que ainda penso.

E no fim é assim que eu gosto: curto, sucinto e porque sim. Como as oito postagens deveriam ter sido e não foram.

Anúncios

Sobre Ana

Aquela que ainda não deu certo nem lá nem cá, mas no meio de tudo ainda faz da internet uma Penseira.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para Por um instante, perdi o jeito

  1. Luís disse:

    Hauhau, dilemas. Sei bem como é ter mil rascunhos no blog e abandoná-los porque a auto-crítica é imperativa. Às vezes a bondade, a paciência e o elemento X vencem a auto-crítica e eu posto no meu, mas normalmente eu deixo tudo na cabeça e nem esvazio na penseira depois. Mas poste, poste mais! Seja o que for.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s